O Dia do Trabalho e a necessidade de se reinventar

A data de 1º de maio marca o Dia Internacional do Trabalhador(a). E especificamente neste ano de 2020, a pandemia nos leva a refletir em muitos aspectos sobre o trabalho. Com o isolamento social necessário para conter a disseminação do coronavírus, milhões de trabalhadores e trabalhadoras foram afetados e muitos até perderam o emprego. Mas, nem por isso deixaram de ser trabalhadores e trabalhadoras e merecem todo o nosso reconhecimento e respeito.

É preciso fazermos nossa parte hoje, seguindo as orientações da Organização Mundial de Saúde e alimentarmos a esperança de que sempre é possível recomeçar e se reinventar. Nada será como antes mas pode ser melhor do que antes. Basta que saibamos ampliar o olhar sobre as nossas ações e pequenos gestos diários. Os pensamentos positivos e as boas vibrações fazem diferença.

A força do trabalho move o mundo. E, quando o trabalho para, o mundo também para. E este ano, o mundo quase parou porque muitos trabalham tiveram que ser interrompidos. A pandemia alterou a forma de trabalho da maioria das pessoas e muitas tiveram que se reinventar. Mas esse período difícil vai passar e assim que isso ocorrer, poderemos todos(as) recomeçarmos fazendo melhor. Descobrimos novas formas de trabalho e muitas outras ainda vão surgir.

E hoje, parabenizamos os trabalhadores e as trabalhadoras do mundo todo, que exercem seu ofício visando o bem da humanidade. Independente da profissão, somos trabalhadores e trabalhadoras! E em especial, queremos saudar os(as) cientistas que têm trabalhado incansavelmente buscando tratamento e uma vacina para a Covid-19. Além dos(as) médicos, enfermeiros(as) e demais profissionais da saúde que estão na linha de frente. Estamos com vocês! Essa luta é de todos nós! Vivamos um dia de cada vez e alcançaremos várias vitórias. Parabéns, trabalhadores(as)!

O Dia do Trabalho e a necessidade de se reinventar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *